e-fontes-advocacia

O que faz um advogado societário?

o-que-faz-um-advogado-societario-4

O que faz um advogado societário?

Um advogado societário é um especialista na área jurídica que lida com questões relacionadas a sociedades empresariais. Esses profissionais têm conhecimento aprofundado sobre leis, regulamentos e práticas comerciais que envolvem a criação, operação e dissolução de empresas. Seu principal objetivo é garantir a conformidade legal e proteger os interesses de seus clientes em suas transações societárias.

1. Assessoria na criação de empresas

Um advogado societário desempenha um papel fundamental na criação de empresas. Ele orienta os empresários na escolha da estrutura societária mais adequada para seu negócio, como uma sociedade limitada ou sociedade anônima. Além disso, o advogado auxilia na elaboração dos documentos legais necessários, como contratos sociais, estatutos e acordos de acionistas.

Esse profissional também realiza os trâmites burocráticos junto aos órgãos competentes, como a Junta Comercial, para formalizar a constituição da empresa. Ele garante que todos os requisitos legais sejam cumpridos, evitando problemas futuros e protegendo os direitos dos sócios.

2. Revisão e elaboração de contratos

Um dos principais trabalhos de um advogado societário é a revisão e elaboração de contratos. Ele analisa minuciosamente cada cláusula e termo da negociação, buscando proteger os interesses de seu cliente e evitar futuros litígios.

O advogado societário também é responsável por elaborar contratos personalizados para situações específicas, como contratos de fusões e aquisições, contratos de licenciamento de marcas e contratos de parcerias comerciais. Esses acordos estabelecem as bases legais das transações comerciais, garantindo a segurança jurídica para todas as partes envolvidas.

3. Fusões e aquisições

Em casos de fusões e aquisições de empresas, um advogado societário desempenha um papel fundamental. Ele assessora tanto os compradores quanto os vendedores nesse tipo de transação, analisando os aspectos legais e regulatórios envolvidos.

O advogado societário realiza uma due diligence minuciosa, examinando as informações e documentos disponíveis sobre a empresa-alvo. Isso inclui a análise dos contratos existentes, passivos trabalhistas, questões ambientais, propriedade intelectual e outros aspectos relevantes. Ele garante que as partes envolvidas estejam cientes de todos os riscos e obrigações antes de concluir o negócio.

Além disso, o advogado societário também participa ativamente das negociações, elaborando cláusulas contratuais que protejam os interesses de seu cliente.

4. Dissolução de sociedades

Quando uma sociedade empresarial decide encerrar suas atividades, um advogado societário é responsável por orientar todo o processo de dissolução. Ele orienta os sócios sobre os procedimentos legais a serem seguidos e ajuda a proteger os direitos de cada um.

O advogado societário realiza a elaboração dos documentos necessários para a dissolução, como a ata de assembleia de sócios e o termo de encerramento. Além disso, ele também cuida da regularização junto aos órgãos competentes, como a Receita Federal e a Junta Comercial.

5. Resolução de conflitos societários

Em casos de conflitos entre os sócios de uma empresa, um advogado societário desempenha um papel fundamental na busca de soluções. Ele atua como mediador, buscando conciliação entre as partes e evitando que o conflito chegue aos tribunais.

Quando necessário, o advogado societário também representa seu cliente em processos judiciais relacionados a questões societárias, como disputas de acionistas, remoção de sócios, responsabilidade dos administradores, entre outros. Ele utiliza seus conhecimentos jurídicos para defender os interesses de seu cliente perante os magistrados.

Conclusão

Um advogado societário desempenha um papel importante na assessoria jurídica de empresas. Seu trabalho abrange desde a criação de sociedades, revisão de contratos, fusões e aquisições, dissolução de sociedades até a resolução de conflitos societários. Sua atuação é essencial para garantir a conformidade legal, proteger os interesses dos clientes e evitar problemas futuros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ACESSE TAMBÉM:

ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA

ADVOGADO PARA SEPARAÇÃO

ADVOGADO PARA PROCESSAR BANCO

ADVOGADO DE PENSÃO ALIMENTICIA

ADVOGADO PARA APOSENTADORIA

BLOG DE ADVOCACIA